Compartilhe
Gaspar

Gaspar vai contar com Arquivo Histórico Documental

Publicado em 21/09/2018 às 16:56 - Atualizado em 21/09/2018 às 16:56


Créditos: João Vitor Costa/PMG Baixar Imagem

“A cidade que não preserva a história e não trabalha junto às novas gerações não consegue formar a identidade de cidadania”. Com esta reflexão começamos a conversa com a professora Leda Maria Baptista que é uma das pesquisadoras que se dedicou a preservar a memória da cidade de Gaspar a partir do apoio do Grupo Lince Incorporações S.A. que foi a idealizadora e patrocinadora desta destacável ação em prol das memórias de Gaspar.  

Todo o material que hoje constitui o acervo histórico é fruto de doações de famílias gasparenses, e pesquisas de campo, realizada pelas professoras Leda Maria Baptista, professora Maria Bernadete Silvino da Silva  e pela historiadora Maria Zilene Cardoso. Para a professora Leda, “mais que assegurar a perpetuação da história, a criação do Arquivo Histórico Documental serve pra fazer “brotar no coração das pessoas esse carinho pela história do município”. Leda Maria Baptista, que nas últimas décadas se empenhou em guardar e manter vivo esse acervo histórico e documental do município, que  teve inicio em 1987. Esse acervo é composto de entrevistas, filmagens e  fotografias com mais de 150 famílias tradicionais  da cidade, descendentes de açorianos, italianos, alemães e outros. Além disso, ainda há catalogados, ou em vias de cataloção, mais de 2.000 fotos e 10 mil documentos. Junto a este material  foi incorporado 45 cenários dos vários pontos relevantes para história da cidade, reproduzidos pelo artista plástico gasparense, Élcio Hahnemamm. Todo este trabalho foi financiado pelo grupo Lince incorporações S.A

A Prefeitura de Gaspar, por meio da Secretaria Municipal de Educação e Diretoria de Cultura, começou o processo  de transição  para efetiva doação do material que consiste inventário, higienização e reorganização. 

Para o Prefeito Kleber Wan-Dall “a implementação do Arquivo Histórico Documental é um passo importante para o fortalecimento da nossa história. Teremos um local onde poderemos reforçar a cidadania e preservar a memória do nosso povo”, destacou. Por motivo de segurança e preservação do material, antes de ser colocado para a consulta, pesquisa e cópia ao público,os documentos serão digitalizados, catalogados dentro de um sistema próprio da registro de arquivo histórico documental.

Com o avançar dos trabalhos de organização documental, em breve a população poderá contribuir com doações de documentos, fotografias e outros registros.

O espaço que abrigará o arquivo será na sede da Prefeitura Municipal de Gaspar. “Administração atual está apoiando o trabalho iniciado em 1987 pela Lince”, finaliza Leda Maria Baptista que coordena voluntariamente. “Vejo esse resgate com muita esperança e confiança na equipe que se mobilizou no sentido de revitalizar e dar de presente para a comunidade gasparense e coordena os trabalhos de revitalização do material.

Assessoria de imprensa da prefeitura de Gaspar.


Rua Alberto Stein, 466, Bairro Velha, Blumenau - SC
CEP: 89036-200